Uma nova mulher!

Publicado em 27/03/2018


 

Que quando nasce um filho, surge uma mãe, todo mundo já sabe. OK, a gente ganha um mundo de novas atribuições, revê nossas prioridades, valores e até mesmo o espelho revela uma nova face que nós mesmas levamos um tempo para reconhecer. 

Natural, afinal, nosso corpo mudou, nossa alma parece que cresceu e nosso cérebro, pasmem, ganhou uma turbinada. Sim, pesquisadores da Royal Postgraduate Medical School, de Londres, afirmam que, durante a gravidez, o cérebro da mulher chega a encolher de tamanho em até 7%. Calma, depois que o bebê nasce, ele não só volta ao normal, como cria novas conexões que nos tornam mais habilidosas e capazes de aprender mais. Sábia natureza.

Em meio a tantas transformações, não esqueço da pergunta de uma amiga que me fez uma visita poucos dias depois de eu dar à luz:  “onde foi parar a sua vaidade?”. Ela estranhou minhas roupas largas, cabelos oleosos e olheiras fundas. Tornar-se mãe, definitivamente é um ganho enorme, mas dá trabalho. E apesar dos desafios, vale tentar fazer as pazes com a nossa feminilidade! 

Mesmo cansadas, precisamos lembrar de cuidar de nós mesmas para cuidar melhor do outro. Acredite: um banho bem tomado traz disposição. Um batonzinho levanta a autoestima e uma massagem rápida, enquanto hidratamos o corpo, pode melhorar o humor. São pequenos detalhes que nos reconectam com quem nós éramos e abrem caminho para nos tornar mais completas, sempre prontas para celebrar a força e a beleza  de ser mãe e mulher, com uma sensação maravilhosa de orgulho e gratidão.