Os diferentes tipos de Fios: do 1 ao 4C

Conheça mais sobre cabelos e suas variações

Publicado por: Redação Natura - 04/01/2018


 

Para começo de qualquer conversa sobre cabelos, a famosa pergunta que não quer calar: Qual é o tipo do seu cabelo: Liso? Cacheado? Crespo? Ondulado?

Todo mundo sabe que esses 4 tipos existem. Mas você já ouviu falar de uma classificação que vai de 1A a 4C? Esses termos fazem parte do sistema de classificação criado pelo hairstylist americano Andre Walker e servem para determinar o tipo dos seus fios, trazendo um conhecimento essencial na hora dos cuidados diários, para uma manutenção mais fácil e de maior eficácia.

Na classificação de tipos de fios e cabelos, temos dois pontos de definição: a letra e o número.

Cada número, de 1 ao 4, serve para identificar o tipo do cabelo. Já a letra, serve para identificar atributos e diferenciar os tipos de fios.

TIPO 1: CABELOS LISOS

Nos cabelos lisos, as letras diferenciam os fios e texturas, já que não apresentam curvas.

 

TIPO 1A

São fios finos. Esses fios são mais propensos a dar nó, devido à estrutura.

Exemplo:

TIPO 1B

Uma mistura entre fios finos e mais “encorpados”, grossos.

 

Exemplo:

 

TIPO 1C

Fios mais grossos, mais resistentes a curvas (famoso “cabelo liso pesado”) e mais “brilhantes” que os anteriores, devido aos óleos do couro cabeludo que podem chegar facilmente às extremidades dos cabelos.

Exemplo:

TIPO 2: CABELOS ONDULADOS

A partir dos cabelos ondulados, as letras diferenciam a textura dos fios e das curvas.

TIPO 2A

Fios finos e com uma suave onda em forma de “S” nas extremidades do cabelo, deixando o desenho ondulado do cabelo mais indefinido e com pouco volume.

 

Exemplo:

 

TIPO 2B

Fios com um pouco mais de definição no formato “S” da curva, podendo apresentar leve frizz no topo da cabeça, perto do couro cabeludo.

Exemplo:

TIPO 2C

Fios com textura mais grossa, bastante volume e curva em “S” bem definida.

 

Exemplo:

Receba GRÁTIS matérias e dicas exclusivas para o seu tipo de cabelo! Quero receber

TIPO 3: CABELOS CACHEADOS

Os cabelos cacheados vão dos cachos soltos aos mais definidos.

 

TIPO 3A

Fios com curvas mais soltas. Tende a ser o fio mais hidratado dos três tipos, e com maior peso, o que explica a leve perda de definição da curva. Em alguns casos, pode apresentar a raiz do fio lisa, por causa do peso.

Exemplo:

TIPO 3B

Fio com padrão de curva em formato “S”, com a raiz mais ondulada, cachos bem definidos e mais “fechados” que o anterior.

 

Exemplo:

 

TIPO 3C

Não há consenso na hora de definir o fio 3C. É formado por cachos bem definidos e fechados, ou “pequenos”. Pode ter sua formação desde a raiz, sendo considerado por alguns como cacheado e por outros, como crespo.

Exemplo:

TIPO 4: CABELOS CRESPOS

Fios que variam entre formato de “mola” bem apertado ao tipo ainda mais compacto, com menor definição da curva. Tendem a ser mais frágeis e ressecados, necessitando de cuidados com muito carinho e amor <3

TIPO 4A

Fios bem enrolados desde a raiz, com bastante volume e ondulação em formato de “mola”, com forma levemente definida.

 

Exemplo:

 

TIPO 4B

Fios bem enrolados e ondulação em formato de “S”, podendo apresentar uma espessura mais fina, com alta densidade e fragilidade às vezes.

Exemplo:

TIPO 4C

Fios mais finos e frágeis, com padrão de ondulação em “Z”, não chegando a formar um cacho. Pode causar uma sensação visual de “pesado” devido às curvas bem juntinhas, mas não se engane: é o mais frágil dos três.

 

Exemplo:

Um truque na hora de identificar sua nomenclatura, para os tipos com ondulações e curvas, é analisar os fios molhados, uma vez que a maioria dos cuidados se iniciam com ele assim. E se você identificou mais de um tipo de cabelo, sem neura: alguns cabelos apresentam dois tipos de fios ao mesmo tempo.

Para quem tem química nos cabelos, é necessário passar pela transição capilar para conhecer seu cabelo natural e identificar o tipo, já que com química é a única forma definitiva de alterar a estrutura do cabelo.
Saiba mais sobre transição capilar aqui

Grátis - Matérias e dicas exclusivas  para seu tipo de cabelo

Agora que você conheceu mais sobre seu cabelos e fios, é hora de escolher os produtos próprios para seu tipo.
E para te impulsionar nessa nova etapa, uma recomendação do Cabeleireiro Oficial da Natura, Guilherme
Cassolari: “É importante usar produtos específicos para o seu tipo de cabelo. É fundamental investir nos itens
que vão agir na necessidade do seu fio, seja qual for o tipo. ”

Bora cuidar desses cabelos e arrasar do seu melhor jeito?