O que é bom para evitar queda de cabelo? Descubra aqui

Entenda se seu cabelo está realmente caindo mais do que o normal e o que causa queda de cabelo

Publicado em 4 jul 2018, 20:07

Antes de qualquer coisa, é preciso esclarecer que nem sempre a queda de cabelo representa algo de errado com sua saúde. De acordo com a dermatologista Gabriella Albuquerque, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, a queda pode ter diversas explicações. "Em alguns casos, a queda é fisiológica e não necessita de tratamento. Eventuais quedas fazem parte do ciclo do pelo", explica.

Leia também:

Como acabar com a caspa? 9 dicas para eliminar o problema

Cabelo quebrado: saiba como fortalecer os fios

Como acabar com as pontas duplas do cabelo

Tratamento para queda de cabelo

Mas se o volume dos fios caindo for muito grande, deve-se procurar ajuda médica. "Se a queda acontece durante a lavagem ou ao pentear, é normal. Já durante o sono ou nos locais por onde você costuma andar, são casos que merecem investigação, porque muitas alterações sistêmicas podem causar queda de cabelo", esclarece a dermatologista. 

Guilherme Cassolari, especialista em cabelos da Natura, pode dar algumas dicas de tratamento para queda de cabelo quando o caso não é clínico, mas a incomoda. “De forma geral, algumas atitudes evitam a queda”, diz. Leia as dicas a seguir.

Lavagem

A oleosidade é um dos fatores que pode contribuir com a queda de cabelo, porque, quando em excesso, aumenta a proliferação de fungos e a descamação do couro cabeludo, prejudicando as madeixas e fazendo com que os fios, inevitavelmente, caiam em quantidade maior do que o normal. Contra isso, a solução é simples: lavar bem o cabelo com os produtos específicos para seu tipo de cabelo sempre!

Uma dica de Cassolari para quem sofre com a oleosidade do cabelo é usar o Shampoo Controle de Oleosidade, de Plant. “Feito com extrato de moringa, ele restaura o equilíbrio da produção de oleosidade do couro cabeludo”, explica. Além disso, o cabelo fica limpo, perfumado, macio e desembaraçado.

Água muito quente também pode intensificar a queda de cabelo. O ideal é utilizar água morna no chuveiro, sempre que possível.

Pausa na química

Muita gente confunde a quebra de cabelo com a queda, e o tratamento para os dois é diferente. Observe os fios que caíram: se a ponta for afilada ou tiver uma bolinha branca, o fio caiu do couro cabeludo. Já os fios quebrados têm as pontas retas. Cabelos que passam por agressões químicas geralmente ficam quebradiços e não com tendência à queda. A queda, nesses casos, só acontece se a química causar irritação no couro cabeludo.

Seja quebra, seja queda, se você sentir que está ficando com o cabelo mais frágil e ralo depois dos procedimentos, dê uma pausa na química até que ele se recupere e invista em tratamentos poderosos.

O Kit Choque Tratamento Restaurador Imediato Pós-Química, de Natura Plant, pode ajudá-la! Ele garante o cuidado para o cabelo, dando brilho e maciez para os fios. Além disso, devolve os nutrientes perdidos e restaura todas as camadas da fibra capilar. 

Mesmo usando os produtos ideais para cuidar dos fios, lembre-se de dar um tempo para o cabelo se recuperar. Tudo no organismo tem um limite e é preciso respeitar, certo? Se ainda assim a queda persistir, procure um médico!

O que causa queda de cabelo?

Alguns fatores podem estimular a queda acentuada do cabelo. Estes são alguns:

  • Estresse;
  • Fumo;
  • Uso frequente de chapéus ou bonés (que superaquecem o couro cabeludo);
  • Químicas frequentes;
  • Parto;
  • Dietas restritivas;
  • Alterações hormonais;
  • Doenças venéreas;
  • Parar o uso de anticoncepcional depois de bastante tempo tomando-o;
  • Alguns medicamentos;
  • Hemorragias.

*Os especialistas consultados nesta matéria foram ouvidos como fontes jornalísticas, não se utilizando do espaço para a promoção de qualquer produto ou marca.

 

Conheça os produtos