Óleo de barbear x óleo para a barba: quando usar cada um e seus benefícios

Com funções diferentes na rotina de cuidados, os dois produtos têm em comum a capacidade de hidratar

Publicado em 13 ago 2018, 18:08

Ter uma barba bonita requer uma rotina de cuidados. Dentro dela, dois produtos podem ser seus aliados: o óleo de barbear e o óleo para a barba. O primeiro é mais uma opção para a retirada dos pelos, ao lado do creme e da espuma. O segundo funciona como um finalizador, garantindo brilho e maciez aos fios.

Leia também:

Opções de presente Natura para cada tipo de pai

Que tipo de perfume combina com sua personalidade?

Sabe como escolher perfume masculino? Descubra

A nossa linha Natura Homem tem os dois óleos. Os produtos têm como ingrediente principal o óleo concentrado de copaíba, uma árvore originária da Amazônia, também conhecida como pau-de-óleo.

Produtos Natura Homem

Indicado principalmente para homens que estão nos primeiros anos de "relacionamento" com a barba, o Óleo de Barbear, de Natura Homem, deixa o pelo macio e facilita o deslizar da lâmina, o que diminui as famosas irritações que o processo pode causar na pele.
 
Por esta última característica – e por fazer uma espuma menos densa –, ele ajuda a desenhar a barba (para aqueles que não a tiram por inteiro), ao mesmo tempo que serve para os que preferem deixar o rosto lisinho também. 

Ponto em comum: a hidratação

Segundo Tiago Astolphi, gerente de Natura Homem, além de terem a hidratação como ponto em comum, ambos garantem que aquele desconforto dos fios crescendo seja suavizado. Isso acontece porque eles amaciam os pelos, e a pele fica devidamente hidratada. 

"São opções para incorporar ao seu ritual de barbear, mas nenhuma delas se sobrepõe à espuma ou ao creme. Cada homem deve usar o produto que melhor corresponde à sua pele e dia a dia", fala Astolphi.

Visual bem cuidado

Se o Óleo de Barbear atende ao público masculino como um todo, o Óleo para Barba é para a manutenção dos pelos que ficam. O barbeiro Hugo Leonardo Ribeiro, de São Paulo, explica que os homens que gostam de deixar a barba precisam ter o segundo produto – que funciona tanto para fios longos quanto para curtos – como aliado.

"Ao contrário do cabelo, os fios da barba, à medida que crescem, vão ficando ressecados. Então, o óleo ajuda a deixá-los hidratados e alinhados",

diz Ribeiro. 

Apesar de ser um óleo, o cosmético não deixa um aspecto de barba suja, pelo contrário. "Ele dá brilho, mas a barba logo o absorve. Por isso, o resultado é um visual mais bem-cuidado", afirma Ribeiro. 

Óleo de barbear x óleo para a barba: quando usar cada um e seus benefícios

Leia mais

Conheça os produtos