Encontre por

Natura dá curso on-line gratuito para capacitar professor alfabetizador

O projeto Trilhas já impactou mais de 15 mil profissionais por meio da formação de Ensino a Distância (EaD)

Publicado em 28 set 2018, 17:09

Um curso on-line gratuito para capacitar o professor responsável por alfabetizar é uma das iniciativas do Instituto Natura (iN) em prol da educação pública no Brasil. O projeto Trilhas consiste em 85 horas de orientações pedagógicas para trabalhar escrita, oralidade e leitura em sala de aula.

Ao concluírem o curso, os professores recebem um certificado emitido por uma instituição credenciada ao Ministério da Educação e Cultura (MEC). 

Leia também:

Instituto Natura: descubra o papel dele na educação no Brasil

Escola Digital busca melhorar a educação pública. Conheça

Acesse aqui o site do Projeto Trilhas

Com o Trilhas, o iN entra nas escolas públicas via professor. Mais de 15 mil profissionais foram impactados por meio da formação de Ensino a Distância. Entre os educadores está Adriana César, professora da Escola Municipal Vicente Bernardinetti, em Indaiatuba, no interior de São Paulo, que fez o curso em 2015.

Transformar a educação pela leitura

Para Adriana, passar por mais essa formação ajudou na prática pedagógica, pois o material oferece uma comunicação de fácil entendimento. “Para quem leciona há muito tempo – como eu, que estou em sala de aula há 24 anos – é bom rever práticas que precisamos ter no dia a dia e, com o passar dos anos, vão ficando de lado”, diz a professora.

Essa percepção é compartilhada por Ligia Cristina Pimenta, professora da Escola Municipal Felício Luiz Pereira, em Macedônia, também no estado de São Paulo. Segundo ela, a principal lição do Trilhas é revigorar o desejo de transformar a educação pela leitura. 

“Não podemos nos acostumar com os mesmos modelos metodológicos. Precisamos criar e evoluir como profissionais da educação, sobretudo na forma como inserimos os livros em sala de aula. A leitura transforma e, como professora alfabetizadora, sou responsável por iniciar esse processo”, afirma Ligia.

Multiplicando conhecimento

Adriana também é responsável pelo núcleo de formação da escola onde leciona e, por isso, orienta os professores alfabetizadores semanalmente com o que aprendeu no Trilhas.

De acordo com a educadora, disseminar o conhecimento entre os colegas faz com que todos se tornem multiplicadores, porque passam a acessar o portal também. Segundo o relatório anual do iN de 2017, 160 mil usuários estão cadastrados no Trilhas. 

“Realizar um curso para se atualizar é sempre bom, mas o Trilhas, especificamente, ajuda com propostas de atividades envolvendo as necessidades dos alunos. E isso se reflete no retorno positivo que temos deles e de seus familiares”, conta Adriana.

Já Ligia diz que o curso melhorou sua performance como leitora, principalmente no que diz respeito a entonação e expressões corporais e faciais possíveis diante de uma história. “Posso explorar tudo isso em uma roda de conversa para desenvolver ainda mais o gosto e o prazer dos alunos pela leitura”, diz Ligia.

Kit com material de apoio

No fim do curso, os professores recebem um kit com vários cadernos de estudo, jogos e planos de aula para serem usados em sala. De acordo com Ligia, por se tratar de um curso on-line, é importante ter esse suporte em mãos para colocar em prática o que se aprendeu. 

“Fiquei superfeliz ao receber aquela maleta recheada de ferramentas que podem ser utilizadas com os alunos. Além disso, o kit traz indicações de mediações que podemos fazer”, conta a professora.

O Trilhas está disponível gratuitamente on-line para todos. Entretanto, por se tratar de uma iniciativa que foca a formação do professor alfabetizador, apenas esses profissionais recebem o kit ao terminarem o processo.