Encontre por

Casa de Perfumaria do Brasil: entenda como fazemos fragrâncias sustentáveis

Nossos produtos são feitos com álcool orgânico, têm embalagens com vidro reciclado, refil e ajudam a manter a floresta em pé

Publicado em 12 mar 2019, 17:03

Escolher uma fragrância para usar no dia a dia ou em ocasiões especiais é uma atitude pessoal que afeta apenas quem a utiliza, certo? Mais ou menos. Ao saber como seu perfume é produzido, você pode fazer uma escolha com efeito positivo na vida de outras pessoas e do meio ambiente.

Leia também:

Com perfumista exclusiva, Natura é a Casa de Perfumaria do Brasil

1) Álcool orgânico

Álcool Orgânico

O álcool obtido por meio do cultivo tradicional da cana-de-açúcar envolve uso intensivo de agrotóxicos e queimada da palha para facilitar a colheita, prática que gera massiva emissão de gases do efeito estufa.

É por isso que, desde 2007, a Casa de Perfumaria do Brasil utiliza apenas álcool orgânico para fabricar suas fragrâncias. Nosso fornecedor dessa matéria-prima é a Native, empresa que teve a primeira usina a colher “cana verde” (termo que denomina o cultivo sustentável) no Brasil.

Em um ano de produção orgânica, além de compensar a emissão dos gases de efeito estufa derivados do seu negócio, a Native conseguiu extrair do ambiente 45 mil toneladas de gás carbônico, oriundas de outras atividades econômicas. Além disso, o cultivo do álcool sustentável contribui para a regeneração da vida de 23 mil hectares onde habitam mais de 340 espécies de animais.

2) Vidro reciclado

Menos lixo

Desde 2015, os frascos da Casa de Perfumaria do Brasil têm vidro reciclado em sua composição (hoje, cada um é feito de até 30% do material). Com isso, evitamos anualmente o descarte de 944 toneladas de vidro, o equivalente a quase 1 milhão de garrafas de um litro de vidro.

A opção pelo material também fez com que se reduzisse em mais de 350 toneladas por ano a emissão de carbono na atmosfera.

3) Refis

Para fazer da sua opção por uma das nossas fragrâncias uma escolha sustentável, também oferecemos refis de nossos produtos. Aliás, fomos a primeira indústria brasileira de cosméticos a ter essa iniciativa. Isso em 1983.

Refil feito de plástico 100% reciclável

Na perfumaria não poderia ser diferente. Inauguramos essa alternativa com refis das fragrâncias Ekos Frescor. Atualmente, além delas, os deos corporais Natura Homem, Kaiak, Sr. N e Meu Primeiro Humor também têm refil.

Feitos com plástico 100% reciclado, os refis das nossas fragrâncias eliminam o descarte de 5 milhões de garrafas PET por ano. 

4) Amazônia viva

Outro componente que faz com que a nossa perfumaria seja sustentável é o uso de óleos essenciais da biodiversidade brasileira como ingredientes principais. Dando às pessoas que vivem na Floresta Amazônica a opção de gerarem mais renda por meio do fornecimento de ativos vegetais em vez de pela derrubada de árvores, a Casa de Perfumaria do Brasil mostra seu comprometimento com a saúde do planeta.